quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Reis Magos

A tradição dos Três Reis Magos remonta ao nascimento de Jesus. Os seus nomes seriam Belchior, rei da Pérsia; Gaspar, rei da Índia, e Baltazar, rei da Arábia. Ficaram com estas denominações cerca de oitocentos anos após o nascimento do Messias.
Consta que observaram uma estrela incomum e seguiram-na até à região na qual se encontrava Jesus. Sabendo que havia nascido um rei, foram imediatamente ao palácio de Herodes, em Jerusalém, mas o cruel personagem nada sabia, porém ficou assustado com essa possibilidade, pois já ouvira algumas profecias a esse respeito. Então, teria pedido aos magos que comunicassem se encontrassem o Menino, pois desejava também fazer-lhe uma visita. A sua intenção, porém, era de matá-lo.
Os reis fizeram uma longa viagem até à manjedoura, chegando lá apenas no dia seis de janeiro, daí o Dia de Reis ser comemorado nesta data.
Narra a tradição que eles seguiram a estrela que lhes indicava a localização exata de Jesus, e também que eles teriam oferecido ao Menino ouro, incenso e mirra, o primeiro simbolizando a realeza de Jesus; o segundo, a sua Natureza Divina, a fé, já que o incenso era muito usado nos templos para representar as preces que seguem do Homem para Deus; e o terceiro, a imortalidade e a alusão à sua futura morte no martírio, pois a mirra era muito utilizada para a preparação dos cadáveres, com o propósito de conservá-los infinitamente. Destes magos e de seus gestos herdamos a tradição de dar presentes uns aos outros no Natal.
A Igreja preserva o culto aos Reis Magos, cumprindo assim a profecia de que os reis se prostrariam diante do Messias.
Não há provas históricas da existência desses Reis e no próprio Evangelho são citados apenas por Mateus. O que importa, porém, é que a tradição permanece viva. Em alguns países essa comemoração tornou-se mais importante que o próprio Natal. As festas, que se iniciam próximo ao Natal, são encerradas no dia seis de janeiro, quando se comemora o Dia de Reis.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente aqui a notícia.